sexta-feira, dezembro 12, 2008

Fomos roubados

Apanho a Adelaide Ferreira a cantar o clássico papel principal na televisão, com o mesmo fulgor de há vinte anos (uma grande candidata ao galardão de melhor dor de corno, com pontos acrescidos pela persistência). Ando há anos a dizer que a nossa diva e o seu ícone foram roubados pelo Carlos Santana. Ora oiçam se não é tal e qual.

(a nossa é de 1986, a dele de 1999)


2 comentários:

Filipa disse...

A música mais rastejante que conheço é "Atrás da porta", de Chico Buarque, cantada pela Elis Regina. Conheces?

D. Ester disse...

"quando olhaste bem nos olhos meus, e o teu olhar era de adeus", começo logo a chorar. O trocando em miudos tb é pungente, não há bom astral que resista à divisão de bens e à leve impressão de que já se foi tarde.